Periodontite Crônica

Navegue por aqui:///Periodontite Crônica
Periodontite Crônica 2017-09-01T00:40:53+00:00

É uma doença inflamatória dos tecidos de suporte dos dentes, causadas por microrganismos específicos ou grupos de microrganismos específicos, resultando em uma destruição progressiva do ligamento periodontal e osso alveolar, com formação de bolsa, retração gengival ou ambas (Novak, 2004).

Mais prevalente em adultos, mas também pode ser encontrada em crianças e adolescentes. A quantidade de destruição periodontal é proporcional à higiene bucal, fatores locais predisponentes, fatores de risco sistêmicos. Inflamação gengival e sangramento à sondagem na área da bolsa gengival, perda de inserção gengival e do osso alveolar e hiperplasia ou recessão gengival. Exposição de furca, mobilidade e inclinação dentária ( Lindhe, 2000; Carranza, 2012).

Considera-se que a periodontite crônica (irreversível) inicia-se como uma gengivite induzida por placa (reversível).

Diferenças entre Periodontite e Gengivite: Na periodontite ocorre a perda de inserção clinicamente detectável e na gengivite não apresenta essa mesma condição. Essa característica é frequentemente acompanhada pela formação de bolsa periodontal e mudanças na densidade e altura do osso alveolar subjacente (Novak, 2004).

Características Clinicas

Incluem sintomas como:

  1. Alteração de cor, textura e volume da gengiva marginal;
  2. Sangramento à sondagem na região de bolsa gengival;
  3. Redução da resistência dos tecidos moles marginais à sondagem(aumento da profundidade de bolsa periodontal);
  4. Perda do nível de inserção à sondagem
  5. Recessão da margem gengival
  6. Perda de osso alveolar
  7. Exposição de furca
  8. Aumento da mobilidade dentária
  9. Eventual esfoliação do dente

Características Gerais

  • Maior prevalência em adultos (pode ocorrer em crianças);
  • Destruição compatível com fatores locais presentes;
  • O biofilme subgengival abriga uma variedade de espécies bacterianas;
  • Cálculo subgengival frequentemente encontrado;
  • Progressão lenta ou moderada com possíveis períodos de progressão rápida;
  • Modificada ou associada com doenças sistêmicas, fatores locais ambientais

Subclassificação:

  • Periodontite crônica localizada: menor que 30% do envolvimento
  • Periodontite crônica generalizada: maior que 30% do envolvimento
  • Leve: 1 a 2 mm de inserção clínica;
  • Moderada: 3 a 4 mm de perda de inserção;
  • Severa: maior ou igual a 5 mm de perda de inserção

Fatores de Risco para a Periodontite Crônica: Idade, Tabagismo, Doença sistêmica, Estresse, Genética.

 

Referências Bibliográficas

  1. CARRANZA Jr., F.A.; NEWMAN M.G.; TAKEI H.H. Periodontia clínica , 12 o ed., Ed. Elsevier, Rio de Janeiro, 2016.
  2. LINDHE, J. Tratado de periodontologia clínica e implatologia oral, 5 o ed., Ed. Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, 2010.
error: